Obras de mobilidade no Setor Policial têm investimento de R$ 47 milhões

Tebet, Janja, Gleisi: mulheres do governo Lula ignoram agressão a jornalista no Itamaraty
1 de junho de 2023
PF encontra cofre lotado de dinheiro vivo em operação sobre desvios em Alagoas
1 de junho de 2023
Exibir tudo

Obras de mobilidade no Setor Policial têm investimento de R$ 47 milhões

Trabalhos incluem corredor exclusivo para ônibus e ciclovia para melhorar o trânsito na região

 

Carolina Caraballo, da Agência Brasília | Edição: Chico Neto

 

A chegada da seca imprimiu um novo ritmo às obras de mobilidade urbana da Estrada Parque Setor Policial Militar (ESPM). Os trabalhos nos 5 km de via estão divididos em quatro frentes: corredor exclusivo para ônibus, calçadas e ciclovia, pavimentação asfáltica e drenagem.

 

Serviços de remodelagem da Estrada Parque Setor Policial Militar resultarão em benefícios para motoristas, pedestres e ciclistas | Foto: Francisco Gualberto/SODF

 

A ESPM é muito utilizada por quem deseja chegar à Avenida das Nações ou ir para o Aeroporto Internacional de Brasília. A pista também dá acesso ao Terminal Rodoviário da Asa Sul e a vias importantes, como W5, W3, Eixo W e eixinhos, L2 e L4. Os trabalhos na avenida contam com investimento de R$ 47 milhões.

 

“Serviços de drenagem, sinalização, paisagismo, calçadas, ciclovias e construção de bacia de retenção fazem parte da remodelagem da ESPM”, detalha o secretário de Obras, Luciano Carvalho. “Além disso, parte da pista será pavimentada com concreto para receber o BRT. E ainda temos dois viadutos que já foram construídos na via.”

 

Serviços de remodelagem da Estrada Parque Setor Policial Militar resultarão em benefícios para motoristas, pedestres e ciclistas | Foto: Francisco Gualberto/SODF

 

Confira, abaixo, o andamento de cada uma das frentes de trabalho no Setor Policial.

 

Corredor do BRT

 

O Setor Policial terá 25.670 m² de pista exclusiva para ônibus, toda revestida de concreto. De acordo com o engenheiro civil Vilmar Azevedo, da Secretaria de Obras, a base já está pronta em 10.500 m². “Já aplicamos o CCR [concreto rolado], uma mistura de vários tipos de brita com cimento, em toda essa área”, conta.

 

Asfaltamento

 

No trecho que vai do Quartel do Comando Geral da Polícia Militar até a alça do viaduto da W3, a via de asfalto terá que ser deslocada para dar espaço ao corredor do BRT – são 32.850 m² de pista a serem realocados. “Desse total, o pavimento já está pronto em 8 mil m²”, informa Vilmar.

 

Ciclovia e calçadas

 

A ESPM terá 5.093 m² de ciclovia e passeio, que vão desde o Quartel do Comando Geral da Polícia Militar até a alça do viaduto da W3. Desse total, 1.500 m² já foram executados.

 

Drenagem

 

A rede de escoamento do Setor Policial extrapola os limites da ESPM e chega até a Vila Telebrasília, onde uma bacia de retenção de 357.487 m³ está em construção. “Temos 150 mil m³ da lagoa já concluídos”, afirma Vilmar. “Dos 8.569 m lineares do sistema de drenagem, 3.500 m estão prontos”.