GDF investe R$ 151 milhões para construir 33 creches e abrir 5,3 mil vagas

Adolescente de 15 anos mata avó a facadas em Planaltina, no DF
4 de maio de 2023
Brasiliense estreia com vitória sobre o Operário na Série D
6 de maio de 2023
Exibir tudo

GDF investe R$ 151 milhões para construir 33 creches e abrir 5,3 mil vagas

Desde 2019, foram entregues sete unidades e outras quatro estão prontas para serem inauguradas

 

Ian Ferraz, da Agência Brasília | Edição: Claudio Fernandes

 

O Distrito Federal vai ganhar 33 creches para atender uma das principais demandas da educação, que é o ensino infantil. Com as unidades entregues, prontas, em construção e em fase de contratação, serão abertas 5,3 mil vagas.

 

 

Cepi Jandaia, no Sol Nascente/Pôr do Sol, é a primeira creche da região administrativa | Fotos: Renato Alves/Agência Brasília

 

Para tanto, o Governo do Distrito Federal (GDF) investe R$ 151 milhões nessas obras. Serão 300 salas de aula a mais para atender os alunos e alunas da rede pública. Vale lembrar que, desde 2019, sete creches foram entregues, quatro estão prontas – duas delas em áreas rurais – 11 estão em obras e outras 11 em fase de contratação/licitação.

Dessa forma, o governo fortalece a ampliação do atendimento a crianças de até 3 anos. Esse é o grande gargalo da educação, com 14 mil crianças à espera por uma vaga.

 

Cepi Cajuzinho, no Lago Norte, é uma das unidades que abriram as portas para atender a comunidade

 

Os chamados Centros de Educação da Primeira Infância (Cepis), popularmente chamados de creches, abriram as portas para alunos de Ceilândia, Samambaia, Lago Norte e Sol Nascente/Pôr do Sol. Há unidades prontas para serem entregues nos núcleos rurais Jardim II, no Paranoá, e Pipiripau II, em Planaltina, além de Ceilândia, na EQNP 8/12, e Planaltina, na Quadra 23.

 

O governador Ibaneis Rocha já assinou a autorização para a construção de um novo Cepi no Guará | Foto: João Cardoso/ Agência Brasília

 

“Sabemos da demanda por vagas na educação infantil e da necessidade de pais e responsáveis de deixarem seus filhos nas escolas para poderem trabalhar tranquilos e em segurança. Por isso, estamos avançando na construção dessas creches, incluindo as que estão em áreas rurais, porque a população do campo também tem essa necessidade. A educação infantil é prioridade em nosso governo”, afirma o governador Ibaneis Rocha.

 

Segundo a secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, o governo pretende construir até 40 creches até 2026. Além das unidades entregues ou em obras, a Secretaria de Educação lançou, em 2021, o programa Cartão Creche, por meio do qual os pais recebem um valor para pagar a mensalidade nas instituições credenciadas. Atualmente, atende cerca de 5 mil alunos e, em 2022, o projeto contou com recursos de R$ 28 milhões.

 

“É nossa maior demanda na rede, mas trabalhamos firme para atender esses alunos e queremos chegar a até 40 creches nesse governo. Nós também estamos construindo creches rurais e vamos buscar parcerias para ampliar o atendimento aos nossos alunos”, acrescenta a secretária.

 

Veja, a seguir, as creches entregues, prontas, em construção e em fase de projeto no DF:

 

 

Arte: Agência Brasília