R$ 37 milhões para construção de escolas no Jardins Mangueiral

Um dia de festa para a capital “que abraça a todos”, diz governador Ibaneis
21 de abril de 2023
Dois homens morrem após perseguição e troca de tiros com policiais militares, no DF
23 de abril de 2023
Exibir tudo

R$ 37 milhões para construção de escolas no Jardins Mangueiral

Obras de CED, CEF e Cepi estão em andamento. Também será erguida na região uma nova escola classe. No total, as unidades terão 62 salas de aula, com 3.750 alunos atendidos

 

Jak Spies, da Agência Brasília | Edição: Claudio Fernandes

 

As primeiras escolas públicas do Jardins Mangueiral, bairro que compõe o Jardim Botânico, estão tomando forma. São quatro obras previstas, das quais três já estão sendo executadas: um centro educacional (CED), um centro de ensino fundamental (CEF) e um centro de educação da primeira infância (Cepi). Também será erguida na região a Escola Classe Jardins Mangueiral.

 

Com investimento de R$ 12 milhões, obra do CED Jardins Mangueiral teve início em maio de 2022 e contará com 18 salas de aula e atenderá 1.320 alunos | Foto: Lúcio Bernardo Jr. / Agência Brasília

 

O investimento do Governo do Distrito Federal (GDF) em educação no Jardins Mangueiral é de mais de R$ 37 milhões. No total, as quatro unidades terão 62 salas de aula, com 3.750 alunos atendidos. A área de construção é de 14.600 m², equivalente a dois campos de futebol da Arena BRB Mané Garrincha.

“Todos os projetos possuem os compartimentos necessários ao pleno desenvolvimento pedagógico do aluno, como sala de professores, sala de coordenação, refeitório, cozinha, depósito, sala de orientação educacional, sala multiuso, laboratórios, parquinho, quadra coberta e por aí vai. Então o Mangueiral está bem servido com relação a essas obras, podendo atender todos os alunos de todas as faixas etárias”, afirmou Leonardo Balduino, subsecretário de Infraestrutura Escolar da Secretaria de Educação do DF.

 

Morador do Jardins Mangueiral, Renan Braga, está satisfeito com a construção das unidades educacionais: “É bom, porque faz tempo que o pessoal da região aqui já queria. Até pela minha filha que vai nascer vai ser ótimo, porque ela já terá a creche e a escola” | Fotos: Lúcio Bernardo Jr. / Agência Brasília

 

Renan Braga Bento de Oliveira é morador do Jardins Mangueiral. O administrador conta que vê as construções com bons olhos, pois era uma demanda da população. “É bom, porque faz tempo que o pessoal da região aqui já queria. Até pela minha filha que vai nascer vai ser ótimo, porque ela já terá a creche e a escola”, ressaltou.

Carlos Alberto Spies, chefe do Departamento de Edificações da Novacap, falou sobre a construção do CED. A obra de três pavimentos já está na parte de estrutura, fechamento de paredes e alvenaria. “É a primeira escola pública aqui que vai abranger o ensino fundamental até o nono ano. Então é uma escola necessária ao bairro do Mangueiral, que até então só tinha escola particular. O governo já está entrando com outras unidades de ensino que serão construídas aqui, como creches e outras escolas”, observou.

 

Chefe do Departamento de Edificações da Novacap, Carlos Alberto Spies falou sobre a construção do CED: “É uma escola necessária ao bairro do Mangueiral, que até então só tinha escola particular”

 

O administrador do Jardim Botânico, Aderivaldo Cardoso, destacou o impacto das obras na região. “A construção dessas escolas demanda a importância que o governo dá para a educação no DF. O Jardim Botânico possui poucas escolas herdadas. Essas adições são muito boas para mostrar que também fazemos parte dessa região, que vem crescendo bastante”, pontuou.

 

Detalhes de cada unidade

A obra do CED é a mais adiantada. Ela teve início em maio de 2022 e contará com 18 salas de aula e 5 mil m² de área construída, atendendo 1.320 alunos. O investimento no centro educacional é de R$ 12 milhões.

No CEF Mangueiral, serão 20 salas de aula, 5.100 m² de área construída e um investimento de mais de R$ 10 milhões. Um total de 1.400 alunos será atendido na unidade.

O Cepi do Mangueiral começou a ser construído em fevereiro deste ano. São mais de R$ 6 milhões na unidade, que terá dez salas de aula e 1.700 m² de área construída para atender 188 crianças.

Já a Escola Classe Jardins Mangueiral, que está para iniciar, terá 14 salas de aula, 2.800 m² de área construída e atenderá 840 alunos. O investimento é de mais de R$ 8 milhões.

 

Fotos: Lúcio Bernardo Jr. / Agência Brasília