Dois homens morrem após perseguição e troca de tiros com policiais militares, no DF

R$ 37 milhões para construção de escolas no Jardins Mangueiral
23 de abril de 2023
Moradia própria para mais 2,5 mil pessoas no Itapoã Parque
23 de abril de 2023
Exibir tudo

Dois homens morrem após perseguição e troca de tiros com policiais militares, no DF

Segundo PM, equipe fazia patrulhamento, quando carro percebeu presença dos policiais e fugiu em alta velocidade. Corporação afirma que suspeitos teriam atirado primeiro.

 

Por Afonso Ferreira e Ingrid Ribeiro, TV Globo

22/04/2023 11h45  Atualizado há um dia

 

Dois homens morreram, na noite desta sexta-feira (21), após uma troca de tiros com policiais militares na DF-480, no Gama, no Distrito Federal. De acordo com a corporação, a equipe fazia patrulhamento, quando um carro percebeu a presença dos policiais e fugiu em alta velocidade.

A Polícia Militar afirma que, em seguida, houve perseguição, até que o motorista parou o veículo. Um dos ocupantes do carro saiu correndo, enquanto atirava contra os policiais. Já o outro se escondeu atrás do veículo e também teria disparado contra os PMs, afirma a corporação.

Os militares teriam, então, revidado e acertado os dois homens. Um deles morreu no local. O outro foi levado para o Hospital do Gama, mas não resistiu aos ferimentos e também morreu.

 

De acordo com a Polícia Militar, os dois homens eram considerados perigosos e tinham uma extensa ficha criminal. Com eles, foram apreendidas duas armas de fogo, tabletes de maconha e uma grande quantidade de cocaína, segundo os militares.

Nenhum policial ficou ferido durante a abordagem. As identidades dos homens envolvidos na troca de tiros não foi divulgada até a última atualização desta reportagem. O caso é investigado pela 11ª Delegacia de Polícia, no Núcleo Bandeirante.

 

Polícia Civil faz perícia em carro usado por dois homens mortos após troca de tiros com PMs, no Gama — Foto: TV Globo/Reprodução

Polícia Civil faz perícia em carro usado por dois homens mortos após troca de tiros com PMs, no Gama — Foto: TV Globo/Reprodução