Investimentos em obras de mobilidade, iluminação e drenagem resolvem gargalos históricos na infraestrutura de Goiânia

DF tem 196 vagas de emprego com salários de até R$ 2 mil
27 de dezembro de 2023
Pesquisa mostra dez destinos, saindo de Brasília, com voo de ida por menos de R$ 300
28 de dezembro de 2023
Exibir tudo

Investimentos em obras de mobilidade, iluminação e drenagem resolvem gargalos históricos na infraestrutura de Goiânia

Investimentos em obras de mobilidade, iluminação e drenagem resolvem gargalos históricos na infraestrutura de Goiânia

 

Administração do prefeito Rogério avança nas obras para entrega do quinto viaduto da atual administração, moderniza iluminação pública e enfrenta problema histórico de drenagem urbana na Capital

 

terça-feira, 26 dezembro 2023, 09:20 | BALANÇO 2023

 

A administração do prefeito Rogério promove uma série de investimentos na área da infraestrutura na Capital. O município já realizou obras em 300 ruas e avenidas, com previsão de entrega de mais de 1.000 quilômetros de asfalto até o final de 2024. As obras do Complexo Viário da Avenida Castelo Branco, quinto viaduto a ser entregue pela atual gestão, avançam e estão 34% concluídas. Também já foram construídos mais de 20 mil metros de galerias pluviais e a previsão é de R$ 200 milhões em investimentos na área de drenagem urbana.

 

“Nós transformamos Goiânia em um canteiro de obras, com investimentos espalhados por toda cidade. Tudo feito com planejamento e organização, para que o progresso chegue sem prejudicar o cotidiano da população. São obras importantes, com impacto direto na qualidade de vida dos moradores”, avalia o prefeito Rogério.

 

Asfalto

 

O Programa 630 KM está com 85% das obras concluídas (535,5 KM), sendo 79% na gestão do prefeito Rogério (423,04KM).  O serviço já beneficiou 305 vias de Goiânia, totalizando 5.830.934,36 m² de área, com o uso de 314.870,46 toneladas de CBUQ. Setores Aeroporto, Jardim Novo Mundo e a Avenida Perimetral Norte, que finaliza o programa, tiveram o asfalto totalmente reconstruído. O custo total do projeto é de R$ 260 milhões.

 

Já o Projeto 500 KM, lançado pelo prefeito Rogério, conta com 4,22% das obras concluídas, beneficiando 62 vias em 107 bairros. A prioridade estabelecida pela administração é a reconstrução do asfalto das avenidas Independência, T-9 e 85. As duas primeiras já receberam o início das obras, que são feitas de forma alternada para não prejudicar o trânsito. Ao todo, 27 bairros estão com obras em andamento. O custo total é de R$ 357 milhões.

 

Complexo Viário Jamel Cecílio é inaugurado após dois anos de obras em Goiânia

Viadutos

 

A Prefeitura de Goiânia avançou no cronograma das obras do Complexo Viário da Avenida Castelo Branco, quinto grande viaduto executado pela administração do prefeito Rogério. A intervenção, localizada no entroncamento das avenidasLeste-Oeste e Castelo Branco, atingiu 34% de conclusão e faz parte de um investimento total de R$ 68,5 milhões em infraestrutura viária na Capital.

 

A construção do viaduto na Avenida Castelo Branco tem um custo total de R$ 14 milhões. As obras anteriores incluem o Viaduto da Moda Regina Pimenta Peixoto Moura, inaugurado na Região da 44, ao custo de R$ 7 milhões; o Complexo Viário Luiz José Costa, conhecido como Complexo da Jamel Cecílio, de R$ 32,5 milhões; o Viaduto Lauro Belchior, ligando os setores Leste Universitário e Novo Mundo, com custo de R$ 7 milhões; e o Complexo Viário Iris Rezende Machado, situado no cruzamento das avenidas Perimetral e Goiás, com valor de R$ 8 milhões e que integra o complexo do BRT Norte-Sul.

Prefeitura de Goiânia firma acordo para entregar novo trecho do BRT em 2023

Drenagem Urbana

 

O prefeito Rogério determinou investimentos de R$ 200 miilhõesem obras de drenagem urbana, enfrentando um dos maiores problemas de infraestrutura da Capital. Na atual administração, o município já construiu 20.346 metros de galerias de águas pluviais. Intervenções aguardadas há anos, como no viaduto da Avenida H, no Jardim Goiás.  No local, foram investidos aproximadamente R$ 5 milhões para a substituição e construção de toda a rede de drenagem e reconstrução do asfalto. Ao todo, serão construídos 2.155,64 metros lineares de galerias de águas pluviais e 6.801,71 metros quadrados de asfalto.

 

Também foram construídas 3.367 bocas de lobo, feita a reposição de 4.071 tampas, construídos 70 poços de visita e recuperados 356 metros de galerias pluviais, além de obras como a construção do bueiro celular na Avenida Acary Passos, no Residencial Vale do Araguaia. A Prefeitura tem utilizado tecnologia de ponta na manutenção do sistema, com caminhões com hidrojato e sucção a vácuo no serviço pelas galerias da capital. A inspeção é robotizada, o que possibilita localizar o ponto exato para correção de falhas identificadas na rede.

 

Prefeitura promove investimentos em infraestrutura urbana em todas as regiões de Goiânia: gestão do prefeito Rogério avança nas obras para entrega do quinto viaduto da atual administração, moderniza parque luminotécnico e enfrenta problema histórico de drenagem urbana na Capital | Fotos: Secom

 

Iluminação

 

A Prefeitura de Goiânia acaba de atingir um novo marco na modernização da infraestrutura da cidade, com a instalação de 37 mil pontos de iluminação em LED. Sete bairros foram completamente contemplados com a nova tecnologia, que é cinco vezes mais econômica e com maior vida útil. São eles: Residencial Aquarius 1 e 2; Setor Jaó; Residencial Eldorado e Eldorado Extensão; Residencial  Irisville; Jardim Bom Jesus; Chácaras Maringá; e Village Maringá.

 

Ao todo, 230 vias e 40 praças tiveram a iluminação completamente substituída por lâmpadas de LED,o que representa um salto qualitativo na iluminação pública da cidade. Também foram realizados serviços de manutenção em53.041 pontos de luz. Em parceria com a Amma, a Seinfra ainda fez a modernização da iluminação pública com LED nos Parques Vaca Brava e Flamboyant.

 

Cidade Segura

 

O programa Cidade Segura, uma iniciativa da Prefeitura de Goiânia em parceria com o Ministério Público de Goiás (MP-GO), empresas de telecomunicações e o apoio da Equatorial Goiás, alcançou a marca de 53 toneladas de fios inutilizados recolhidos dos postes da cidade em dois meses.

 

A segunda fase do programa Cidade Segura está atualmente em atividade no Setor Sul e, após a conclusão, segue para o Centro, com planos de expansão para a Região Leste e Região de Campinas. O secretário de Governo, Jovair Arantes, sublinhou a importância gradual do trabalho para a cidade. ”Nós vamos fazer esse trabalho, que é muito importante para a cidade, de forma paulatina”, disse.

 

Saneamento

 

Com uma população de mais de 1,5 milhão de habitantes, Goiânia se destaca por oferecer água potável para 99% dos cidadãos. A coleta de esgoto chega a 93,4% e cerca de 72,5% do esgoto gerado é tratado. A cidade tem um índice de perda de 19,5% do volume produzido nos sistemas de distribuição – média menor que a nacional de 40,3%. Goiânia deu um salto na evolução do tratamento do esgoto em 2021. Em 2015, a cidade tratava 64,5% dos esgotos e no ano de 2021 o índice subiu para 72,5%.

 

Principais ações nos últimos três anos:

 

-Investimentos de R$ 70,5 milhões para a conexão do Sistema de Abastecimento de Água Mauro Borges ao Centro de Reservação Cristina, beneficiando diretamente cerca de 231 mil pessoas

 

– Duplicação da adutora Etag/Senac e lote 1 do Linhão Gyn-Apa, beneficiando mais de 566 mil pessoas

 

– Inclusão da participação dos empreendedores imobiliários na implantação de infraestrutura de redes de abastecimento de água e esgotamento sanitário na área onde será construído o novo empreendimento imobiliário

-Implementação da rede de abastecimento de água nos bairros Juscelino Kubitschek I e II e Residencial Tancredo Neves, atendendo 2 mil ligações domiciliares

 

Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) – Prefeitura de Goiânia