Governador discute financiamento de projetos com equipe do Banco Mundial

Acidente entre ônibus e caminhão deixa dois mortos e mais de 40 feridos na BR-020
3 de setembro de 2023
Mulher é encontrada morta com ferimento a faca no pescoço no DF
4 de setembro de 2023
Exibir tudo

Governador discute financiamento de projetos com equipe do Banco Mundial

Em reunião com Ayat Soliman, diretoria para a América Latina e Caribe da instituição, Ibaneis Rocha tratou de investimentos no BRT Norte e na eficiência energética da capital

 

Gabriel Lisita, da Agência Brasília | Edição: Igor Silveira

 

O governador Ibaneis Rocha foi recebido, nesta quarta-feira (30), pela diretora de Estratégias e Operações para a Região da América Latina e Caribe do Grupo Banco Mundial, Ayat Soliman, para tratar de investimentos em projetos do Distrito Federal.

 

O encontro, em Washington (EUA), contou com a presença da equipe técnica da instituição, além do secretário de Planejamento, Ney Ferraz, e do presidente do BRB, Paulo Henrique Costa. Na pauta, projetos considerados estratégicos pelo Governo do Distrito Federal (GDF), como o BRT Norte, os programas de captação e eliminação de resíduos sólidos e o aumento da eficiência energética da capital.

 

“Estivemos reunidos com a equipe técnica do Banco Mundial e tivemos a oportunidade de discutir vários projetos importantes para o Distrito Federal, como o BRT Norte, a questão da captação de resíduos sólidos e a eliminação desses resíduos da natureza e também questões relacionadas à eficiência energética, que precisamos avançar muito na capital da República”, afirmou o governador.

 

Na pauta da reunião, foram debatidos projetos considerados estratégicos pelo GDF, como o BRT Norte, os programas de captação e eliminação de resíduos sólidos e o aumento da eficiência energética da capital | Foto: Divulgação

 

Considerada a principal obra de mobilidade do segundo mandato de Ibaneis Rocha, o BRT Norte vai ligar o Plano Piloto a Planaltina com linhas de ônibus expressas. No início de agosto, foi anunciado um repasse de R$ 1,5 bilhão do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para o projeto. O GDF busca, agora, novas linhas de financiamento para agilizar a construção.

 

No setor energético, entre outros pontos de destaque, o GDF implementou este ano uma usina fotovoltaica voltada especificamente para o abastecimento de prédios públicos. Localizada no Parque Ecológico de Águas Claras, a unidade abastecerá cerca de 80 estruturas como escolas e secretarias, gerando economia de até R$ 1 milhão por ano. O projeto, reconhecido pela ONU, teve investimento total de R$ 4,1 milhões.

 

As tratativas de investimentos nos projetos devem continuar após o retorno do governador a Brasília. “Foi uma reunião muito produtiva. Tivemos contato também com a equipe do Banco Mundial no Distrito Federal e, a partir da próxima semana, nós estaremos juntos trabalhando estes projetos para poder desenvolver cada mais a capital”, disse Ibaneis Rocha.

 

A missão em solo norte-americano faz parte da programação do Lide Brazil Development Forum. No evento, o governador do Distrito Federal participará do painel “Oportunidades de financiamento para infraestrutura e serviços públicos nos estados e nos municípios brasileiros”, nesta sexta-feira (1º/9), no Hotel Willard, em Washington.

 

A agenda oficial desta quinta-feira (31) conta com uma reunião com o presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e ex-presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn. Em seguida, o governador participa de uma recepção da embaixadora do Brasil em Washington, Maria Luiza Viotti.