Estádio Augustinho Lima um patrimônio esquecido dentro do mato

Fim de semana tem programação de Carnaval e stand-up comedy
20 de janeiro de 2024
Repasses de emendas pix crescem 530% em 2023 e podem interferir em eleições municipais
20 de janeiro de 2024
Exibir tudo

Estádio Augustinho Lima um patrimônio esquecido dentro do mato

O local é importante para dezenas de jovens, que treinam diariamente, no que resta da pista de atletismo, e assim alimentam o sonho de dias melhores

 

Por Ferreira Santos jornalista esportivo

Ronda da Cidade Sobradinho

 

Por Redação do O Diário do Planalto — Planaltina-DF

20/01/2024 13h49  Atualizado há 2 minutos

 

Estádio Augustinho Lima patrimônio dos moradores de Sobradinho, Distrito Federal, está tomado pelo mato e por uma pista de atletismo que está se deteriorando a cada dia. O Estádio que é palco de treinamento para o terceiro melhor atleta do atletismo brasileiro e para um medalhista mundial, além de dezenas de jovens precisa ser olhando com mais carinho pelo poder público local. O descaso das autoridades com Augustinho Lima é o verdadeiro retrato do abandono para com o esporte amador em Sobradinho.

 

Tempos atrás Administração Regional da cidade tinha gerência sobre o estádio, e não era abandonado como está hoje. A politização toma conta das demandas dos moradores das cidades do Distrito Federal, e para piorar chegou também ao Esporte. Depois que a gerência passou a ser da Secretária de Esportes do GDF, Estádios como Augustinho Lima ficou jogado às traças à espera de um milagre.

 

Pode ser uma imagem de 1 pessoa e relva

Fotos: Ferreira Santos/Jornalista Esportivo 

 

O local é importante para dezenas de jovens, que treinam diariamente, no que resta da pista de atletismo, e assim alimentam o sonho de dias melhores. Usado pela comunidade, o patrimônio Augustinho Lima precisa passar urgentemente por uma grande reforma, o mato está tão alto que dependendo do ângulo que se observa quase não se vê as traves.

 

Pode ser uma imagem de futebol, futebol e relva

Pode ser uma imagem de 1 pessoa e relva

Pode ser uma imagem de relva

Pode ser uma imagem de dirigível e relva

Pode ser uma imagem de 1 pessoa, aeronave e relva

Fotos: Ferreira Santos/Jornalista Esportivo 

 

Jornal O Diário do Planalto

 

Estádio Augustinho Pires de Lima, mais conhecido como Augustinho Lima é um estádio de futebol brasileiro, situado em Sobradinho, no Distrito Federal.

 

O nome do estádio é em homenagem ao primeiro repórter de Sobradinho a ganhar espaço na mídia, falecido em um acidente de automóvel. Augustinho Lima tinha sido promovido a diretor do jornal de Brasília, ficou até tarde na comemoração e quando voltava pra casa,dormiu no volante ,saiu da pista e bateu de frente em um caminhão na entrada de Sobradinho-DF.

 

O estádio abriga os jogos do Sobradinho Esporte Clube e às terças patinagem artística.

 

Capacidade

 

Segundo o Cadastro Nacional de Estádios de Futebol publicado pela CBF, tem capacidade para 15.000 espectadores.

 

Redação: Jornal O Diário do Planalto-DF