Governador do DF participa da posse do novo ministro do STF

Governo Lula bloqueia R$ 332 milhões de alfabetização, transporte escolar e bolsas de estudo
4 de agosto de 2023
GDF negocia construção de Santa Casa de Misericórdia em Samambaia
5 de agosto de 2023
Exibir tudo

Governador do DF participa da posse do novo ministro do STF

Ibaneis Rocha esteve entre as autoridades na cerimônia que oficializou Cristiano Zanin na vaga deixada por Ricardo Lewandowski

 

Adriana Izel, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger

 

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, participou, na tarde desta quinta-feira (3), da cerimônia de posse do novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cristiano Zanin. O advogado assume a vaga deixada por Ricardo Lewandowski, que se aposentou em abril, quando completou 75 anos.

 

Governador Ibaneis Rocha participou, nesta quinta-feira (3), da posse do novo ministro do STF, Cristiano Zanin | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

 

Ibaneis Rocha falou sobre a expectativa em torno da integração do novo ministro ao colegiado. “O ministro Cristiano Zanin é muito preparado, um advogado conhecido nacionalmente que tem uma grande cultura jurídica e certamente vai engrandecer ainda mais o Supremo Tribunal Federal”, afirmou.

 

“Certamente vai ser um juiz bastante garantista, o que é muito importante nesse momento de estabilidade do país. Estamos muito felizes com a posse e esperamos que ele realmente faça um grande trabalho à frente do STF”, acrescentou o governador.

 

A sessão começou com a abertura da presidente do STF, ministra Rosa Weber, seguida da execução do Hino Nacional pela banda dos Fuzileiros Navais de Brasília. O novo integrante da Corte foi conduzido ao cargo pelo decano da Corte, o ministro Gilmar Mendes, e pelo mais recente, o ministro André Mendonça.

 

 

Após a formalidade, Zanin prestou juramento à Constituição Federal, assinou o termo de posse e assumiu o assento no Plenário. Por ser a cadeira mais recente, ele fica na primeira à direita do púlpito.

 

Antes de encerrar a sessão, Rosa Weber quebrou o protocolo e fez uma fala de boas-vindas a Zanin. “Vossa Excelência, com sua experiência, enriquecerá muito esse colegiado”, definiu a presidente do STF.

 

Depois, o novo ministro recebeu os cumprimentos dos convidados no Salão Branco.

 

A solenidade ficou marcada pela presença de diversas autoridades que estiveram no Plenário do STF para presenciar a oficialização do novo ministro no cargo. Estiveram presentes o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva – que fez a indicação do ministro – e os presidentes do Senado, Rodrigo Pacheco, e da Câmara dos Deputados, Arthur Lira.

 

A vice-governadora do DF, Celina Leão, também celebrou a chegada do novo ministro. “Foi uma posse muito prestigiada. Acho que é um momento realmente de democracia e festa para Brasília”, disse.

 

Quem é

 

Nascido em Piracicaba (SP), Zanin é graduado em direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Para integrar o STF, deixou a advocacia, profissão na qual atuou por mais de duas décadas.

 

Antes da posse no STF, foi sabatinado e teve o nome aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal e pelo Plenário da mesma Casa Legislativa. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) do último dia 5 de julho.