Morre homem que sofreu parada cardíaca após cair de lancha no lago

Vítimas que morreram após carro bater em caminhão eram pai, mãe e filho bebê
1 de julho de 2024
Veja lista das 52 linhas de ônibus que deixam de aceitar dinheiro hoje
1 de julho de 2024
Exibir tudo

Morre homem que sofreu parada cardíaca após cair de lancha no lago

O homem de 73 anos estava acompanhado de outras duas pessoas na embarcação. Ele foi salvo pelo CBMDF e encaminhado ao Hospital de Base

 

Thalita Vasconcelos

30/06/2024 21:34, atualizado 30/06/2024 21:34

 

O homem de 73 anos que sofreu uma parada cardíaca após cair de uma lancha no Lago Paranoá morreu neste domingo (30/6). A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) e estava internada desde sábado (29/6) no Hospital de Base.

 

A lancha foi filmada desgovernada e sem piloto momentos antes de se chocar contra um muro às margens do Lago Paranoá. As circunstâncias do acidente são investigadas pela 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).

 

A gravação mostra a lancha à deriva, fazendo manobras perigosas pelo lago. Outras embarcações são vistas próximas ao barco.

 

A lancha só para de se movimentar após colidir contra uma cerca, próximo ao Lake View Resort. A embarcação ficou aos cuidados da Marinha do Brasil.

 

O CBMDF foi acionado para atender a ocorrência por volta das 16h23.

 

 

O acidente aconteceu entre a residência do Presidente da República e a Ponte JK, próximo à JR Mecânica Náutica e Marina. No local, a equipe de socorro deparou-se com duas vítimas que haviam acabado de cair de uma embarcação.

 

Um homem de 65 anos que estava na lancha conseguiu sair sozinho da água. Ele estava consciente e orientado, não sendo necessário o transporte dele para um hospital.

 

Já a vítima de 73 anos foi resgatada por pessoas que estavam às margens do lago e em outras embarcações. O homem se encontrava em parada cardiorrespiratória e precisou ser reanimado pelo CBMDF por cerca de 40 minutos.

 

Ele teve os batimentos cardíacos reestabelecidos e foi transportado para o Hospital de Base.

 

Uma terceira pessoa que ocupava a embarcação, que seria o piloto, também caiu na água. Esta conseguiu sair sozinha e não se encontrava no local do acidente.

 

De acordo com a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), o piloto teria se evadido do local mas já foi identificado.

 

www.metropoles.com