Três homens são mortos a tiros em menos de 1 hora em Ceilândia e Areal, no DF

Jovem de 24 anos é morto a chutes, no meio de uma praça, no Guará 2
16 de outubro de 2021
Sobradinho II completa 32 anos e ganha Unidade Básica de Saúde
17 de outubro de 2021
Exibir tudo

Três homens são mortos a tiros em menos de 1 hora em Ceilândia e Areal, no DF

Três homens são mortos a tiros em menos de 1 hora em Ceilândia e Areal, no DF

Homicídios ocorreram entre as 22h e 22h40 desta sexta-feira (15). Vítimas tinham 19, 41 e 43 anos; Polícia Civil investiga casos.

Por Marília Marques e Gabrielle Freire, g1 DF e TV Globo

16/10/2021 09h45  Atualizado há 11 horas

 

O fim da noite desta sexta-feira (15) foi violento no Distrito Federal. A Polícia Civil registrou pelo menos três homicídios em um intervalo de menos de uma hora. Os crimes ocorreram entre as 22h e 22h40 nas regiões do Areal, em Águas Claras, e Pôr do Sol, em Ceilândia. Ninguém foi preso.

Por volta das 22h, um jovem foi morto a tiros na QS 11 do Areal. A vítima é Fabiano Teixeira, de 19 anos, que estava na rua quando foi atingido. O homicídio está sendo investigado pela 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga).

No mesmo horário, no Pôr do Sol, Francisco de Assis Silva Couto, de 41 anos, foi encontrado morto dentro de casa, na quadra 602. Segundo a Polícia Civil, o homem tinha diversas marcas de tiros pelo corpo, estava em cima da cama e sozinho.

Já, às 22h40, um mecânico de 43 anos morreu após ser atingido por vários disparos de arma de fogo, no Pôr do Sol. O homem foi baleado no peito e no braço.

Os crimes são investigados como homicídio. De acordo com a Polícia Civil, não há indícios que apontem relação entre os casos.

Por volta de 22h, Francisco de Assis Silva Couto, de 41 anos, foi encontrado morto dentro de casa, no Pôr do Sol, no DF — Foto: TV Globo/Reprodução

Por volta de 22h, Francisco de Assis Silva Couto, de 41 anos, foi encontrado morto dentro de casa, no Pôr do Sol, no DF — Foto: TV Globo/Reprodução