Policial civil morre atropelado enquanto andava de bicicleta em rodovia no DF

Quadrilha que movimentou R$ 100 milhões com empresas fantasmas é alvo da PCDF
15 de outubro de 2021
Jovem de 24 anos é morto a chutes, no meio de uma praça, no Guará 2
16 de outubro de 2021
Exibir tudo

Policial civil morre atropelado enquanto andava de bicicleta em rodovia no DF

Policial civil morre atropelado enquanto andava de bicicleta em rodovia no DF

José Maria Moreira Filho, de 58 anos, pedalava na DF-001, na altura de Brazlândia. Ele era chefe da Seção de Apoio Administrativo da 17ª DP, de Taguatinga Norte, e foi atingido por um carro.

Por g1 DF e TV Globo

14/10/2021 18h05  Atualizado há um dia

Um policial civil morreu, após ser atingido por um carro, enquanto pedalava na DF-001, na altura de Brazlândia, no Distrito Federal. José Maria Moreira Filho tinha 58 anos e trabalhava como chefe da Seção de Apoio Administrativo da 17ª Delegacia de Polícia, em Taguatinga Norte.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu por volta das 11h, próximo ao entroncamento com a BR-080. Quando a equipe chegou ao local, José Maria estava deitado no asfalto, já inconsciente.

Segundo os militares, o policial civil sofreu traumatismo craniano e entrou em parada cardiorrespiratória. Os bombeiros fizeram manobras de reanimação, por 45 minutos, mas a vítima não resistiu e morreu no local.

A motorista do veículo, de 64 anos, foi encaminhado à delegacia para prestar depoimento. Os bombeiros não souberam informar como ocorreu o acidente.

José Maria Moreira Filho, de 58 anos, policial civil atingido por carro enquanto pedalava em rodovia no DF. — Foto: Arquivo pessoal

José Maria Moreira Filho, de 58 anos, policial civil atingido por carro enquanto pedalava em rodovia no DF. — Foto: Arquivo pessoal

De janeiro até setembro deste ano, seis ciclistas morreram atropelados no Distrito Federal, de acordo com monitoramento do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran). No ano passado, foram 19 vítimas, nos doze meses.

Luto

Em nota, a Delegacia-Geral de Polícia Civil do Distrito Federal lamentou a morte de José Maria Moreira Filho.

“Neste momento de intensa dor, a PCDF se une em oração à família e amigos para que esta perda seja confortada na fé no Pai Celestial”, diz o texto.

O Sindicato dos Policial Civis (Sinpol) também divulgou um comunicado em memória ao policial. “O Sinpol-DF lamenta profundamente a morte de José Maria de forma tão trágica e se solidariza com os familiares, demais parentes e amigos”.