Márcio França é alvo de operação da Polícia Civil; investigação apura desvios na Saúde de R$ 500 milhões dos cofres públicos

Conta de pai do governador do AC recebeu R$ 420 milhões nos 8 primeiros meses de mandato
6 de janeiro de 2022
Secretaria de Cultura do DF recebe R$ 55 milhões para reforma do Teatro Nacional
7 de janeiro de 2022
Exibir tudo

Márcio França é alvo de operação da Polícia Civil; investigação apura desvios na Saúde de R$ 500 milhões dos cofres públicos

Márcio França é alvo de operação da Polícia Civil; investigação apura desvios na Saúde de R$ 500 milhões dos cofres públicos

 

O médico Cláudio França, irmão do ex-governador, é outro alvo da operação, que está sendo desencadeada em ao menos 30 locais da capital, litoral e interior

 

Por Julinho Bittencourt

5 jan 2022 – 10:22

 

O ex-governador de São Paulo Márcio França (PSB) sofre mandato de busca e apreensão pela Polícia Civil de São Paulo, na manhã desta quarta-feira (5), em vários endereços ligados a ele. A investigação apura um suposto esquema criminoso de desvio de recursos da área da saúde.

O médico Cláudio França, irmão do ex-governador, é um dos alvos da operação, que está sendo desencadeada em ao menos 30 locais da capital, litoral e interior em endereços da família França e, também, de ex-funcionários de organizações sociais, empresários e médicos.

A investigação apura peculato, associação criminosa e lavagem de dinheiro. A operação é acompanhada pelo Ministério Público e representantes da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

Há gravações

As investigações indicam, de acordo com os policias, que as organizações sociais (as chamadas OSs) seriam usadas para desvios de recursos mediante contratos superfaturados para gestão de unidades de saúde destinadas ao atendimento da população pobre.

Os policiais afirmaram à Folha que há gravações de conversas de Cláudio França e de um suposto testa de ferro utilizado para captação de recursos. Nos diálogos, eles discutiriam a porcentagem destinada a cada um dos integrantes do grupo.

 

Márcio França | Foto: Alesp

 

Operação Raio-X

 

As investigações são um desdobramento da operação Raio-X, desencadeada em setembro de 2020, quando foram expedidos pela Justiça 64 mandados de prisão temporária e 237 mandados de busca e apreensão.

Há a suspeita de que o grupo desviou mais de R$ 500 milhões dos cofres públicos. Até agora, 48 pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público e, dessas, 19 foram condenadas pela Justiça.

A Fórum solicitou a posição da asssessoria de Márcio França, mas até o momento não recebeu resposta.

 

Com informações da Folha

Márcio França é alvo de operação da Polícia Civil; investigação apura desvios na Saúde

 

Veja mais notícias da região no O Diário do Planalto

O novo portal de noticias do Distrito FederalRegião Norte do DF e Entorno