GDF abre seleção para contratar 215 especialistas, técnicos e auxiliares em saúde; salário chega a R$ 6,1 mil

Tóquio receberá oito atletas do DF para os Jogos Olímpicos
15 de julho de 2021
Primeira paróquia do Núcleo Bandeirante completa 64 anos
17 de julho de 2021
Exibir tudo

GDF abre seleção para contratar 215 especialistas, técnicos e auxiliares em saúde; salário chega a R$ 6,1 mil

Admissões são temporárias; inscrições devem ser feitas até 19 de julho, pela internet. Processo seletivo é por meio de avaliação de títulos e experiência profissional.

Por G1 DF

16/07/2021 08h19  Atualizado há 5 horas

 

A Secretaria de Saúde abriu, nesta quinta-feira (15), as inscrições para preencher 215 vagas imediatas para especialistas, técnicos e auxiliares em saúde, mais formação de cadastro reserva. A contratação é temporária, pelo período inicial de um ano, podendo ser prorrogada, uma única vez, por igual período.

O objetivo é reforçar a assistência aos pacientes com Covid-19. Segundo o edital, os salários variam de R$ 2,8 mil a R$ 6,1 mil, sendo o mais alto para assistente social, fisioterapeuta e psicólogo (veja detalhes mais abaixo).

 

Para se inscrever, o candidato deve acessar o site do Instituto AOCP, preencher o formulário de inscrição e anexar os documentos solicitados conforme disposto no edital. As candidaturas para o processo serão recebidas até as 23h59 da próxima segunda-feira (19).

Os critérios de avaliação e aprovação serão mediante avaliação de títulos e experiência profissional. A jornada de trabalho para todos os cargos será de 40 horas semanais. Veja a distribuição de vagas e as respectivas remunerações:

Especialistas em saúde: R$ 6.110,00

10 vagas para assistente social

35 vagas para fisioterapeuta

40 vagas para psicólogo

Técnico em saúde: R$ 2.892,50

50 vagas para motorista – condutor de veículos de urgência e emergência

Auxiliar em saúde: R$ 2.830,75

80 vagas para padioleiro

Fisioterapeuta aplica técnica conhecida como pronação em paciente de hospital público do DF — Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

Fisioterapeuta aplica técnica conhecida como pronação em paciente de hospital público do DF — Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF